Apple

Lojas da Apple francesas multadas por obrigarem os seus funcionários a trabalharem horas adicionais

Sete lojas da Apple na França não podem mais forçar os seus funcionários a trabalhar depois de fechar as portas, pois um tribunal de Paris proibiu a empresa de tal actividade na sequência de queixas de sindicatos.

O relatório francês da AFP, observado pela primeira vez pelo The Verge, também observa que a Apple deve pagar 10.000 euros em danos ao sindicato dos trabalhadores, enquanto uma multa adicional de 50.000 euros será cobrada para cada violação subsequente.

A lei francesa afirma que o trabalho nocturno, definido com o horário entre as 21 e as 6 horas, é reservada para casos excepcionais e devem, assim, ser justificados. Apesar das lojas de revenda Apple fecharem as suas portas às 21 horas, era comum os funcionários continuarem a trabalhar mais duas horas adicionais para limpeza e preparação para o dia seguinte. Em sua defesa, a empresa disse que essas horas de trabalho adicionais eram incomuns e negou qualquer irregularidade.

As lojas Apple afectadas pelo julgamento incluem os seguintes locais: l’Opéra em Paris, Parly 2 em Le Chesnay, Carré Sénart em Lieusaint, Val d’Europe em Marne-la-Vallee, Cape Town 3000 em Nice, e Atlantis em Saint Herblain .

Uma decisão posterior de um tribunal superior francês deverá ser proferida no dia 16 de Abril.

Deixa um comentário!

Powered by http://iphoneportugal.com