Aplicações

Adobe anuncia novas aplicações do Creative Cloud e abandono do Creative Suite

adobe-creative-cloud

Adobe decidiu concentrar os seus recursos no Creative Cloud e não vai continuar o desenvolvimento do seu software Creative Suite, divulgou o The Next Web. Embora o Creative Suite 6 continuará a ser apoiado no que diz respeito a correções de bugs, não haverá mais atualizações e não haverá Creative Suite 7. Em vez disso, a empresa anunciou hoje vários aplicativos Creative Cloud na sua conferência Adobe MAX, incluindo Photoshop CC, InDesign CC, Illustrator CC, Dreamweaver CC e Premiere Pro CC.

Cada um dos aplicativos já viu melhoramentos notáveis​​, conforme detalhado pelo The Next Web. Por exemplo, o Photoshop CC oferece novas funcionalidades como a redução da vibração da câmara e a integração da Behance, que pode ser vista no vídeo promocional da Adobe que se encontra abaixo.

[youtube id=”Bs6UJ70jMAI” width=”600″ height=”350″]

Os aplicativos do Creative Cloud da Adobe serão lançados em Junho deste ano. A empresa pretende oferecer aos utilizadores atuais do CS 3 e das versões posteriores, um ano de Creative Cloud por um preço com desconto.

“Para os Creative que dependem das atualizações da empresa, alguns terão o prazer de descobrir que qualquer pessoa com um CS 3 ou com um número de série posterior terá seu primeiro ano de Creative Cloud por 29,99 dólares por mês. Para todos os outros, a versão completa do Creative Cloud será fixada por volta de 49,99 dólares por mês, ou poderá comprar uma única licença de subscrição da aplicação por 19,99 dólares por mês.

Para equipas o mesmo se aplica, mas vão pagar 69,99 dólares por mês por usuário, ou 39,99 dólares se você comprou o CS 3 ou posterior, as vantagens adicionais incluem significativamente mais espaço de armazenamento em cloud. Para os estudantes, o CC será fixado de volta 19,99 dólares por mês para a versão completa, e também há agora uma versão “Equipas de Educação” por 39,99 dólares por mês por utilizador. “

Com uma subscrição padrão do Creative Cloud, os utilizadores podem aceder à biblioteca completa das aplicações da Adobe, tornando-se uma opção atraente para os subscritores que pretendam aceder a vários produtos da Adobe.

De acordo com Scott Morris (via TechCrunch), chefe das equipas Creative Cloud e Creative Suite da Adobe, a mudança permitirá aos engenheiros da Adobe a “capacidade de se concentrar”, fornecendo atualizações mais rápidas e as características mais inovadoras no futuro.

Deixa um comentário!

Powered by http://iphoneportugal.com